Conteúdo:
#FicaDica

BLOG DA MOBILIZE NO BRASIL

eBook – 9 erros para evitar nas Redes

As redes sociais tem se destacado como uma ferramenta fundamental para qualquer estratégia de marketing. Além da novidade, uma dica infalível para aprender como faz melhor, sem errar muito, é a de observar o que os outros fazem de errado, para você saber o que evitar durante o seu mandato.

Abaixo alguns dos Erros mais comuns (de empresas) para você evitar:

. Falta de Planejamento – Apenas vontade e boa intenção não é suficiente.
. Falar apenas sobre você – Evite a auto promoção pela simples promoção vazia.
. Pare de ser irrelevante – Tenha certeza que seu post é sempre útil ou interessante.
. Apenas copiar conteúdos – Escreva suas ideias, opine e depois compartilhe links.
. Não ter uma estratégia – Sem pensar você não fará do público seu apoiador.
. Automatizar tudo – Evite robotizar todos seus comentários copiando respostas.
. Não conversar com o público – Volte a responder comentários, incentivar a conversa, agradecer elogios e escutar o eleitor. Sempre.

Para ver a lista completa de dicas, basta acessar o link do eBook dos 9 Erros
e compartilhar =)


Como você agradeceu meu voto?

Não importa para quem tenha sido o meu voto ou o resultado da eleição, o fato é que ela termina. Para alguns, vitória, outros derrota. Seja como for, todos temos o mesmo tema de casa: agradecer os votos.

Dentre as inúmeras formas de agradecer o voto, o apoio das equipes e o empenho de todos, lembre que o seu muito obrigado pode ser também um importante passo para o futuro. Quer saber como?

Primeiro avalie se você:

. Gravou um vídeo de 1 minuto para usar no Youtube?
. Compartilhou imagens dos principais momentos para o WhatsApp?
. Publicou uma imagem para o Facebook com foco em compartilhar?
. Agradeceu via SMS regionalizado o apoio recebido em cada cidade?
. Criou ainda um email marketing personalidado com link para o site?
. E também usou jornais, rádios e correspondência pelo correio?

E o mais importante, lembrou de indicar uma ação para ser realizada pelo seu eleitor? Poderia ser baixar o App do mandato, um link para completar o cadastro ou um convite para fazer parte no facebook. Você agradeceu e mostrou como as pessoas que podem fazer parte do seu mandato?

Se faltou algo, ainda há tempo… Enquanto os outros vão estar pensando no que escrever, você pode ser mais ágil e se preocupar em como tornar o seu agradecimento em mais apoio, mais cadastros e mais eleitores.


Vamos cadastrar?

Uma prática muito importante utilizada antes, durante e após as eleições é a coleta constante de dados dos eleitores e apoiadores. Não basta apenas o contato, email e quem sabe um SMS, a diferença está em saber como transformar cada pessoa em um defensor da sua causa.

Para ajudar na tarefa de iniciar uma política de sempre cadastrar, conversar e engajar o seu público, aqui vão 8 dicas da nossa equipe para você iniciar agora mesmo.

01. Site – Inicie fazendo do seu site um canal para informar, incentivar e cadastrar apoiadores para fazer parte do seu trabalho. Simples e essencial.
02. Email – Use suas listas de emails, de entidades ou partido, tanto para informar d que acontece como convidar mais pessoas para se cadastrar.
03. Nas Redes – Monitore os posts, mensagens e comentários para saber quando entrar em contato e convidar as pessoas a fazer parte do seu mandato.
04. No App – Utilize os celulares dos seus apoiadores para multiplicar seu nome e buscar a cada dia mais e mais pessoas para participar.
05. Eventos – Saiba usar seus eventos para cadastros. Tenha sempre uma equipe para informação e cadastro, seja no site, App do Mandato ou envie no WhatsApp.
06. No Partido – Lembre de consultar até a lista de filiados do seu Partido no estado para contato e cadastro de mais apoiadores.
07. Pelo Correio – Pense em como enviar kits para seus voluntários e apoiadores atualizarem os seus cadastros e ainda convidar novos amigos.
08. Divulgue na mídia – Enquanto outros agradecem os votos, você pode utilizar a mídia para divulgar propostas e chamar apoiadores.

Simples assim. A cada dia mais dados, mais informações e mais pessoas, para juntos mobilizar o Brasil.


6 regras para viralizar nas Redes

O termo “viral” está relacionado a velocidade de propagação da informação. Ser viral, significa chamar a atenção ao ponto de fazer com que as pessoas falem e multipliquem uma para as outras. Para ajudar a sua equipe nessa difícil tarefa, aqui vão 6 elementos comum em vários virais que ganharam a rede:

1 – Não seja neutro – Virais precisam ter uma carga emocional. Tentar agradar a todos só vai deixar seu conteúdo artificial ou pouco relevante. Ex: O comediante Rafinha Bastos optou pelo insulto e, hoje, é amado e odiado por milhares de pessoas. Um de seus vídeos teve mais de 1,4 milhões de views.
2 – Faça algo imprevisível – Siga o exemplo da série “Will it Blend”, da marca de liquidificadores Blendtec. O vídeo em que o CEO da Blendtec, Tom Dickson, destrói um novíssimo iPhone 4S teve mais de 1 milhão de views em menos de 15 dias.
3 – Não tente vender algo – Seja interessante e mas natural. O público não quer ver um produto ou comprar um sermão. Queremos apenas ter assunto para comentar.
4 – Faça mais de um conteúdo – Você precisa ser mais do que um viralzinho de 5 minutos. Por exemplo, a Coca-Cola, produziu vários vídeos da série Happines por todo o mundo. Ao assistir um, vários outros são sugeridos pelo Youtube.
5 – Ajude o compartilhar – Não dificulte. Seu conteúdo precisa ser amigável ao Facebook, Twitter, WhatsApp ou Blogs, com fácil acesso e pronto para compartilhar.
6 – Participe da conversa – Fazer parte do diálogo é tão necessário quanto o compartilhar. Ex: a campanha da Old Sprice nos EUA, onde diversos vídeos foram criados a partir da conversa e comentários com o público nas Redes Sociais.

Então, pronto para criar seu conteúdo e viralizar?
Fonte: ResultsOn


Mobilize mais no seu Evento

Na agenda de uma campanha, o que não faltam são reuniões, debates, palestras e eventos com o candidato. Nesses eventos enquanto alguns correm de um local para outro, outros pensam em usar a tecnologia para, a cada evento, fazer mais.

Pensando nisso, nossa equipe listou 15 ações para você escolher e colocar em prática para todos os eventos em que participa. Algumas simples outras mais avançadas, todas pensando em ajudar.

Fácil de Fazer:
. Criar um evento no Facebook para convidar e receber Check-ins.
. Ter cobertura do Evento nas Redes (Foto no Twitter + facebook)
. Divulgar seu Número WhatsApp para receber mensagens de apoio.
. Pós evento responder aos contatos WhatsApp convidando a fazer mais.
. PitStop para fotos com o incentivo a compartilhar nas redes.

Com um pouco de Trabalho:
. Oferecer WiFi aberta para público acessar as Redes Sociais.
. Ter plaquinhas (curtir, número ou hashtags) para fotos / selfie.
. Criar banners mostrando número WhatsApp e Redes para participar.
. Equipe com camisetas com número WhatsApp, campanha e como ajudar.
. Ter mobilizadores no local para cadastrar as pessoas. (Celular)

Para os mais Avançados:
. Oferecer Free WiFi, ser liberado mediante cadastro básico.
. Ter uma equipe de fotógrafos para fotos com envio via WhatsApp.
. Telão para mostrar tweets do público (via Hashtags) e gerar Buzz.
. Ter uma cobertura ao vivo no evento para share nas Redes Sociais.
. Compartilhar ao final o miniclip com as fotos do evento e jingle.

Lembre que cada evento é a sua oportunidade de mostrar ao público o seu carísma, a preparação da equipe e a organização e competência de em um simples contato, fazer muito mais. Preparado? Vamos juntos mobilizar?


Quem vai multiplicar a sua campanha?

Quanto vale meu apoio? O meu trabalho, minha dedicação e empenho? Quanto isso vale na sua campanha? Quanto vale em votos?

Se você não sabe, estamos em um mundo 2.0. Nesse mundo cada pessoa é uma fonte de conteúdo, um combo com WhatsApp, Twitter e Facebook querendo muito compartilhar. Somos todos mais do que um voto, se pensar bem, sou seu multiplicador em potencial.

E quer saber quanto isso vale? Faz a conta… Cada pessoa tem em média 162 trust friends (amigos de verdade), nas redes sociais a média sobe para 481 amigos (mas não tão próximos). Em uma continha básica, se cada multiplicador influencia 50 votos, vezes o custo médio do voto (40 reais no Brasil), resultado: 2 mil reais. Isso mesmo, 2 mil cada multiplicador na campanha.

email_icons

Então, vamos combinar: Enquanto você trabalha alianças, busca apoio e convence líderes, lembre de ter alguém trabalhando para reunir e motivar seus apoiadores, para fazer o mesmo e muito mais.


5 dicas para usar seu Facebook na campanha

Sua campanha está no Facebook? Sim? Como todas as outras! E agora? Saiba o que fazer (ou deveria estar fazendo) para realmente ter uma Campanha e Mobilizar nas redes sociais:

01. Primeiro entenda que seu Facebook é uma fonte de conteúdo.
02. Como fonte ele deve informar (fazer seu público dar like).
03. Sendo fonte deve motivar (fazendo as pessoas participarem).
04. Uma fonte deve convencer (compartilhe e compartilhe).
05. E ainda gerar opinião sobre você (ou melhor conteúdo).

Enquanto todos querem seu like, o que mais interessa, é conteúdo. Por isso, a diferença no Facebook, Twitter e todas redes sociais, não é a qualidade do seu conteúdo, e sim como você faz o seu público ser uma fonte de conteúdo a seu favor.

E anote: cada um de nós tem seus 162 trust friends que realmente se importam com a nossa opinião, seja em casa, no trabalho, no WhatsApp, nos grupos sociais ou no facebook. Essa opinião sim, tem 162x mais diferença.

Se alguém parar e perguntar, pode responder…


eBook com Dicas e Cases para sua Campanha

Nessa altura do campeonato você ainda tem dúvidas sobre como fazer marketing político? Ou ainda acha que com o seu Facebook logo vem um novo Obama?

Para ajudar seu trabalho, aqui vai o eBook da Scup que ensina um passo-a-passo do que você deve fazer na sua campanha nas redes sociais: Cases para sua campanha

Como destaques no eBook, você vai ver:

. Como definir objetivos e planejar sua campanha on-line;
. Quais são as melhores métricas para avaliar resultados.
. Como montar uma equipe ideal e perfis para cada função;
. E o que aprender com o case Barack Obama em 2008.
. E o case da Marina Silva, nas eleições de 2010.

E para quem gostar, também pode compartilhar. =)


Os 7 passos para Mobilizar nas Redes

Todos estamos nas Redes Sociais. Mas estar e participar são assuntos muito diferentes. Para mudar isso e ajudar na campanha, nossa equipe separou um infográfico que resume os 7 níveis de evolução do público nas Redes Sociais. Anote, analise como está o seu público e vamos logo Mobilizar.

Infografico

01. Atenção – A pessoa segue as suas atualizações, acompanha o seu trabalho mas nada de interagir e nem participar. Ele assiste.
02. Valorização – quando o usuário te valoriza ele começa a marcar suas publicações favoritas, simplificando, o curtir.
03. Compartilhar – quando a pessoa se identifica, ela compartilha as suas publicações com seus amigos. Ela concorda e aprova.
04. Opinião – A pessoa expressa opinião através de um comentário, ajuda ou sugestão. Ela passa a se importar com o assunto.
05. Contribuição – O pessoa entende, se envolve e participa, criando e publicando conteúdo, que colabora com a sua campanha.
06. Animação – A pessoa passa a gerar conversas espontâneas sobre os assuntos, temas da campanha com outros amigos.
07. Advocacia – Quando a opinião tem respaldo continuado, a pessoa passa a ser um embaixador para a sua campanha, defendendo sua causa e compartilhando abertamente com todos.

Entendeu? Inciando do 1 até o 7, preparado para mobilizar?
Fonte: We Are Social Media


Agora é oficial – Conheça o AppdoCandidato 2014

Depois de 6 meses de muito trabalho, estamos felizes de anunciar a versão 2014 do App do Candidato – Seu mandato na mão do eleitor. Um aplicativo simples, fácil de usar e acessível para qualquer líder que busque divulgar suas ideias e encontrar as pessoas que acreditam e querem defender a mesma causa.

Entre a inúmeras melhorias da versão, o destaque vai para a importância do multiplicador na campanha. Enquanto muitos ainda pensam em anúncios nas Redes Sociais, o App do Candidato resgata o trabalho de base, do apoiador, do mobilizar pessoas em uma mesma causa. A antiga militância, no contexto de participação 2.0.

Entre as novidades da versão 2014:

. Novo visual atualizado para o iOS 7.
. Novo formato para apresentar o perfil, trabalho e propostas.
. Revisão do cadastro de apoiadores, com líderes por cidade.
. Revisão das causas com líderes para cada causa.
. Mapa de apoiadores por cidade e por causa.
. Opção de compartilhar por email, Redes e no Whatsapp.
. Gameficação com sistema de badgets para o público.

Para saber mais sobre a versão 2014 e como ter o aplicativo na sua campanha, consulte nosso site oficial – AppdoCandidato.com.br